A casa com suas luzinhas

Foi ontem que aconteceu, voltando de São José com a Ana, eu avistei aquela casinha simples, poderia ser da minha ou da sua avó, com certeza era da avó de alguém bem sortudo. Um jardim pequeno cheio de flores, arbustos, árvores em meio ao gramado verde, aquele mesmo jardim bagunçado e tão familiar das fotos do meu álbum de família…

Sou daquelas pessoas que adora ficar olhando pela janela durante qualquer passeio ou viagem. Sou daquelas pessoas que fica perdida no tempo entre os pedacinhos de caminhos, pessoas, céus que se encontra na vida. Sou daquelas pessoas que acredita que quando menos se espera a gente ganha um presente, você só precisa estar atento.

Pode ser sua música preferida tocando na rádio. Pode ser o café no ponto perfeito do jeitinho que você gosta. Pode ser uma tarde agradável com a família. Pode ser uma conversa com sua melhor amiga onde vocês acabam rindo tanto e no final sequer lembram o motivo.

As coisas acontecem rápido demais. Cada momento com uma pessoa que é importante para nós é um momento especial. Nosso amanhã é incerto demais, o que temos é o hoje.

E quando eu vi aquela casinha solitária entre um terreno baldio e uma empresa, em meio a escuridão ela era só luz! Cheia daquelas luzinhas, cheia de sininhos e com direito a papai noel… Eu adoro pisca-pisca. Eu adoro o natal, acho que desde sempre. E naqueles instantes eu revivi um pouquinho de cada natal, de cada ceia, às vezes com toda família e às vezes não, a troca de presentes, a roupa mais bonita, as fotos, à espera…

Me senti teleportada para aquele natal onde eu tinha no máximo 7 anos e meu cabelo era bem curtinho, minha mãe cortava ele em casa! Era noite de natal e na nossa varanda o pisca pisca não parava, eu estava com um vestido branco e uma melissinha azul royal, ganhei o que eu queria: um telefone sem fio daqueles que cada botão saia uma musiquinha diferente! Existe até mesmo uma foto registrando esse momento, haha!

Me dei conta então, falta tão pouco para o natal, oba! Falta tao pouco para espalhar os papais noéis pela casa, para desenrolar aquele nó sem tamanho que fica o pisca-pisca de um ano para outro, ou como no meu caso e da Ana falta pouco para comprarmos nosso primeiro pisca-pisca juntas! Falta tão pouco para tomar café com panetone toda manhã, afinal eles já enchem as prateleiras do mercado, eu por exemplo, estou de olho em um mini panetone do scooby-doo, viu Ana? Falta tão pouco para as toalhinhas, mantinhas e paninhos de louça de natal! Falta tão pouco para tanta coisa boa.

Porque para mim natal é tempo de curtir cada momento, relembrar tanta coisa, rir da bagunça, fazer amigo secreto com a família e amigos, comprar presente de última hora e ficar ansioso para saber se a pessoa vai gostar, é tempo de tirar foto com touquinha de noel, de comer chocolate até não aguentar mais e votar contra ou a favor da uva passa em tudo que é comida! Mas acima de tudo é tempo de amor, de paz e encontrar aqueles que ajudaram a nos fazer quem somos e ser grato por todas as coisas boas que temos a sorte de ter. Chega logo natal!

fd7cd42f9e93e098a503f535a4612d87

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s